sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

120 agentes apreendem 500 quilos de alimentos, 35 litros de gasolina espanhola e garrafas de gás

Cerca de 120 agentes da GNR Territorial, Trânsito e Fiscal, PSP, Polícia Judiciária, Autoridade Marítima, Serviços de Informação e Segurança, Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) e Alfândega apreenderam hoje perto de 500 quilos de alimentos, numa operação realizada simultaneamente junto à ponte internacional do Guadiana e no cais fluvial de Vila Real de Santo António.
A operação que decorreu entre as 6h30 e as 10 da manhã detectou «falta de higiene e segurança» no transporte de 380 quilos de pescado, 120 quilos de charcutaria, 35 litros de gasolina e algumas garrafas de gás.
As forças e serviços de segurança do Gabinete Coordenador de Segurança Distrital (GCSD) fiscalizaram 944 veículos, tendo apreendido cinco com matrículas estrangeiras por infracção à lei 22A/97.

2 comentários:

Anónimo disse...

Este governo está muito preocupado com a saúde dos portugueses, por isso fecha-lhes os hospitais e centros de saúde para não estarem doentes, agora estão preocupados com a higiene como não há hostitais ou centros de saúde é melhor não comerem seja o que for para não adoecerem e morrerem mais depressa, evita-se as reformas, combate-se o desemprego e a falta de habitação, partido de miseráveis e lacaios

Um ex. lacaio (não o Vitor agora lacaio do outro lado)

Anónimo disse...

Mas já alguem reparou no Bigode do senhor da ASAE...akilo não é anti higenico...o caldo verde não fica preso no bigode??????...se esse gajo me fecha o o Retiro, o Baguão, a taberna do Virgilio, o Manel da agua, o manel indio, a nortenha, a taberna do lucas, e outras casas tipicas da vila..tá tramado comigo...


El guardián de la barquinha